Paranapiacaba terá quatro dias de folia no Carnaval | Diário Regional

Paranapiacaba terá quatro dias de folia no Carnaval

25/02/2014 9:44
Print Friendly

Vila ferroviária terá opções de lazer para foliões e quem prefere não cair no samba, a partir de sábado - Foto: ArquivoPelo segundo ano consecutivo, o Carnaval na Vila de Paranapiacaba, que preserva a tradição das antigas marchinhas e blocos de rua, terá quatro dias de folia. A programação começa no sábado (1º), com a matinê no Clube União Lyra Serrano das 13h às 16h. Toda a programação é gratuita. A Vila oferece ainda série de atrações para quem prefere não cair no samba, como visitas nas trilhas, museus e passeio de maria-fumaça.

Ainda no sábado, a banda Carol Mello e os Litorais anima o baile com as tradicionais marchinhas, das 18h30 às 22h, no Clube ULS. No domingo (2), a festa começa às 12h, com o bloco Paraná Folia. A concentração será em frente à creche, na Parte Alta. Em seguida, os foliões cruzam a passarela e percorrem as principais vias da Parte Baixa. Das 13h às 16h será realizada outra matinê, no Clube ULS. A Banda Lira de Santo André, que anima as festas na cidade desde 1918, será o destaque do Baile de Máscaras do Clube ULS, a partir das 19h.

Na segunda-feira (3) é a vez do também tradicional Bloco das Bruacas, no qual os homens se vestem de mulheres, percorrer as principias ruas da Parte Baixa. A concentração será no Bar do Campo (Av. Forde, 528), às 12h. Neste dia, o Clube ULS contará com a matinê, das 13h às 16h, e logo em seguida, das 18h às 22h, a apresentação da Banda Caxambú, que embala os carnavais da Vila há mais de 40 anos, com repertório repleto de sambas e marchinhas.

E o Bloco Poucas Trancas encerrará a programação, na terça-feira (4). Partindo do Largo dos Padeiros, às 14h, o grupo percorrerá as vias da Parte Baixa até o Clube ULS onde. A partir das 16h, a festa prosseguirá com a apresentação da banda Poucas Trancas, com músicas que resgatam os carnavais do final da década de 1970.

Outras opções

Foto: DivulgaçãoA Vila é também um destino certo no feriado para quem não gosta de Carnaval. Entre as atrações destacam-se o circuito museológico, como os museus Castelo (rua Caminho do Mens, s/n, entrada R$ 3) e Funicular (acesso pela passarela, entrada R$ 3), que resgatam a história da ferrovia, o passeio de maria-fumaça, com acesso pela passarela (R$ 5).

Já o Parque Nascentes de Paranapiacaba conta com trilhas monitoradas em meio à Mata Atlântica (R$ 12 por pessoa). O parque dispõe de um Centro de Visitantes (na rua Direita, 371, (11) 4439-0321).

Para receber o turista, a Vila de Paranapiacaba dispõe ainda de serviços como hospedagem, alimentação e monitoria cultural e ambiental. Mais informações podem ser obtidas pelo telefone (11) 4439-1316 ou no site: http://www2.santoandre.sp.gov.br/index.php/paranapiacaba.

COMO CHEGAR – Para chegar à Vila de carro, o visitante deve seguir pela Via Anchieta até o Km 29 (placa para Ribeirão Pires), entrar na SP 148 (estrada Velha de Santos) até o Km 33 e pegar a Rodovia Índio Tibiriçá (SP 31) até o Km 45,5.

Após, o motorista deve pegar a SP 122 até Paranapiacaba. Também é possível chegar de ônibus, ele sai do Tersa (Terminal Rodoviário de Santo André), localizado na Estação Prefeito Saladino (CPTM), ou da estação ferroviária de Rio Grande da Serra a cada hora (Viação Ribeirão Pires (11) 4828-9646).

SERVIÇO – Carnaval na Vila de Paranapiacaba. Data: dias 1º, 2, 3 e 4 de março

Bailes no Clube União Lyra-Serrano (Av. Antonio Olyntho, s/n, na Parte Baixa da Vila) e desfiles de blocos de rua. A Vila conta ainda com museus ligados à ferrovia, passeio de maria-fumaça e trilhas no Parque Nascentes, além de serviços de hospedagem, alimentação e monitoria para atender aos visitantes.

As atividades no Clube ULS e dos blocos de carnaval são gratuitos. Mais informações: (11) 4439-1316. Site: http://www2.santoandre.sp.gov.br/index.php/paranapiacaba

 



Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: