Após um terço das rodadas, equilíbrio dá o tom da Série A3 | Diário Regional

Após um terço das rodadas, equilíbrio dá o tom da Série A3

15/02/2014 9:44
Print Friendly

SÃO PAULO – Após seis rodadas – cerca de um terço do torneio – o equilíbrio entre as equipes é a marca, até agora, da Série A2 do Campeonato Paulista. A igualdade pode ser notado na classificação, em que a diferença entre o G4 e o 13º colocado é de apenas três pontos.

Apesar de goleadas como os 5 a 1 da Ferroviária sobre o Santo André e os 4 a 0 de Mirassol e Velo Clube diante do São José, a Série A2 de 2014 tem em sua maioria placares magros. Em dez vezes entre os 60 jogos, o placar não foi alterado e em 16 a rede balançou somente uma vez. O reflexo disso é a média de gols por jogo, que caiu de 2,39 no ano passado para os atuais 2,10.

Após seis rodadas, apenas Red Bull e Monte Azul não sabem o que é perder. O líder, porém, é o Capivariano – que, juntamente com São Bento e Ferroviária, tem a melhor campanha como mandante, com 100% de aproveitamento. Na parte inferior da tabela, o São José e Grêmio Osasco são os únicos que não conseguiram vencer. Por conta disso, ocupam as últimas colocações.

Se, entre os times, a briga pelo G4 está intensa, na artilharia entre os jogadores não é diferente. Único jogador do torneio a marcar três gols em uma mesma partida, diante do Santo André, Jonatas Obina, da Ferroviária, lidera a lista com cinco gols. Com um a menos estão Alan Mineiro, também da Ferroviária, e Helton Luiz, do São Bento. Onze jogadores aparecem com três gols.



Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: