Alckmin traz 'Mulheres de Peito' a Diadema | Diário Regional

Alckmin traz ‘Mulheres de Peito’ a Diadema

06/02/2014 10:41
Print Friendly, PDF & Email

Segundo Alckmin, programa tem o objetivo de ampliar o acesso a exames e a detecção precoce do câncer de mama - Foto: Eberly Laurindo especial para o DRO governador Geraldo Alckmin (PSDB) estacionou, ontem (5), em Diadema, a segunda entre as cinco carretas que vão realizar mamografia em mulheres entre 50 e 69 anos por meio do programa Mulheres de Peito. Os exames são realizados gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS), sem precisar ter o pedido médico em mãos. Segundo o governador, a medida tem o objetivo de ampliar o acesso a exames na rede pública e incentivar a detecção precoce do câncer de mama. Mulheres fora da faixa etária prevista no programa também poderão realizar as consultas, mas terão de apresentar guia médica.

“As pacientes devem fazer os exames no mês do aniversário e depois de dois em dois anos. É muito importante para o diagnóstico precoce e também para o tratamento do câncer, uma doença curável desde que seja tratada de forma adequada. Se estiver tudo certo, parabéns. Se tiver algum problema, a ultrassonografia é feita na hora. Há casos em que haverá a biopsia e, se algum problema for detectado, é encaminhado para o tratamento adequado. É um programa que vamos lançar em todo o Estado”, afirmou Alckmin, ontem (5), em coletiva de imprensa depois de participar do lançamento do programa no ABC.

A carreta ficará estacionada na Praça Lauro Michels, no Centro, por um mês e vai beneficiar todas as mulheres da região. Segundo informações da Secretaria Estadual de Saúde, até março outra carreta deverá chegar em Santo André. A previsão é que, por meio das unidades móveis, cerca de 60 mil mamografias a mais sejam realizadas por ano. No total, o investimento do governo do Estado no programa é de R$ 14 milhões.

Demanda

Carreta do programa ficará na Praça Lauro Michels por um mês realizando exames - Foto: Eberly Laurindo especial para o DR“Nossa intenção não é apenas suprir a demanda, mas também diminuir o tempo de espera para a realização do exame de mamografia. Com essa ação, o governo do Estado quer aumentar a cobertura de exames, estimular o rastreamento e ampliar o acesso ao diagnóstico precoce do câncer de mama. Quanto mais cedo for o diagnóstico, maior a chance de sucesso no tratamento”, destacou o secretário estadual de Saúde, Davi Uip.

Além de mamógrafo, cada veículo é equipado com aparelho de ultrassom, conversor de imagens analógicas em digitais, entre outros. As unidades móveis contam com técnicos em radiologia, profissionais de enfermagem, funcionários administrativos e um médico ultrassonografista. Os exames podem ser realizados de segunda a sexta-feira, das 9h às 20h, e aos sábados, das 9h às 13h. As imagens serão encaminhadas para o Serviço Estadual de Diagnóstico por Imagem (Sedi) e o resultado é emitido em até 48 horas após a realização do procedimento.



Comente esta matéria


Atenção! O comentário aqui postado é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do Diário Regional. Comentários discriminatórios ( contra raça, sexualidade, cor, crença e outros) , que violem a lei, a moral e os bons costumes poderão ser denunciados pelos internautas , removidos ou não publicados pela redação.
%d blogueiros gostam disto: